sábado, 5 de abril de 2008

É a primeira vez que escrevo aqui desde que tudo acabou, e vai tambem ser a ultima.

Está a ser horrivel tudo na minha vida...tento todos os dias com que voltes para mim mas não queres..

Não sei quanto tempo mais vou aguentar isto..mas acho que não muito mais.

Queres que tudo seja como anes, que continue-mos as melhores amigas e continue-mos a falar de tudo como se nada tivesse acontecido, temos pena mas não consigo. É praticamente impossivel para mim porque eu amo-te cada dia mais ao contrario de ti, que cada dia gostas menos de mim. Já tentei continuar a falar, já tentei não falar mas nada disso foi solução..a dor está aqui na mesma, e cresce desde o dia que disses-te que não dava mais.

Já não sei o que fazer, dizes-me para nunca esquecer o que vivemos mas que não dá mais..

De vez em quando dizes que amas mas não como no principio, que gostas mas já não como antes..

só tenho que dar os parabens há minha mãe, finalmente conseguiu separar-nos, só tava á espera que uma de nós fraquejasse.

Eu fraquejei, mas pedis-te uma segunda hipotese e eu dei-te sem pensar duas vezes. tu fraquejas-te e eu pedi-te uma hipotese que tu não me deste. ai ela consegui atingir-te e já não ouve retorno. tudo o que sabes dizer agora é que não dá, que não nos entendemos. Pois bem, espero que encontres alguem que te entenda, mas lembra-te que ninguem nunca te vais fazer as coisas que fiz por ti. Não me tou a armar em superior, até porque sabes melhor que ninguem que não me dou valor. E agora mais que nunca se vê que não sirvo para nada e que sou simplesmente uma merda que tava a empatar a tua vida, e tu só que quises-te ver livre dela.

Eu vou ficar assim, nada, sem conseguir deixar de pensar em ti, sem consguir fazer nada direito, sem me conseguir concentrar, a viver só por viver, sem planos e sem a minima vontade para pensar nisso. Apenas com um pensamento: que te amo mais que tudo na vida, e que quero desaparecer o mais depressa possivel, mas ate para isso sou cobarde.

Beijos, até um dia.

17 comentários:

Guhn disse...

See Please Here

Ana & Jo - .:Amor Para Sempre:. disse...

Não tem nada possamos falar nessa hora.. Conheço essa dor.. Dá aquela sensação de que nascemos para amar, e não sermos amadas..
Mas fica bem.. Mantém a tranquilidade.. O sol sempre volta a brilhar..
Fica com Deus..

Ég bani disse...

Essa dor profunda que sentes agora, que ate apaga até a vontade de viver...por mais que te seja dificil acreditar. Passa, senão mesmo desaparece. Pode demorar tempo, muito tempo até. Mas uma coisa que tens que fazer antes demais é encontrar-te a ti mesma e acreditar que tu mereces mais, mereces que tu mesma lutes por ti, por sair desse buraco em que te encontras agora. E aí, mesmo continuado a ser difícil, vai ser melhor e poderás encontrar outra razão de viver, não noutra pessoa mas em ti mesma.

Beijinhos e não te deixes apagar assim
Um abraço apertado

fiel.jardineira disse...

estou como tu, tudo me doi....bjs

Shakadal disse...

See Please Here

Anónimo disse...

menina se busque, se ame mais,se valorize,,,,tome um banho de rio ou de mar, ou mesmo de chuveiro,,,deixe a agua lavar sua alma, e levar esta energia negativa, mentalize positividade,
reze, tome atitudes de iluminadas,
se arrume, se curta,saia para um passeio sozinha, caminhar descalca,
respirar ar puro,nao pense muito, so deixe fluir,,,,,e acalme seu coracao , pq vc primeiro deve se amar, primeiro vc deve se valorizar,para depois pensar em compartilhar sua vida ,,,,assim vc ja tera uma grande chance de encontrar um qrande amor,,,
compartilhar,,,dividir....mas nao se anule numca,e nao viva em funcao do outro, nao perca sua individualidade...pq ai vc estara realmente em uma zona morta....
viva menina, va pra vida,,,,este mundo e maravilhoso, e com certeza vc ainda nao conheceu nem um milecimo dele....nao tenha medo de arriscar,,,,viva.
e o que tiver que ser, sera....
se tiver que ser....sera....
bjs e coragem,,,,,

Akinol disse...

See Please Here

Isa Zeta disse...

Que triste. :(

Druiel disse...

por incrivel que te possa parecer, por muito que penses que contigo vai ser diferente ... mais tarde ou mais cedo ... a dor passa.
Luta apenas por manter a cabeça à tona de água, recusa apenas uma coisa: entregar-te à dor e ao caos.

Confia em mim ... também a dor passa. No seu devido tempo.

Coragem

Sabrina disse...

Olhe, estou passando mais ou menos a mesma situaçao que vc, a diferença foi que minha namorada, se é que eu possa dizer isso,sumiu sem dar uma explicação, após dizer que queria casar comigo em uma sexta, diz ela p uma amiga que a mae e tal...eu sei, mae eh lasca, mas, sinceramente??? eu acho que faltou atitude, ao menos um e-mail explicando...pois bem, sei que doi e como doi...so o tempo mesmo"""

Anónimo disse...

Ao fazer uma busca de imagens no Google, me deparei em seu blog, a curiosidade me venceu e comecei a ler o post.
Parecia estar lendo algo que eu mesma escrevi a tempos atras, não eram as mesmas palavras, mas na ênfase era exatamente igual, a mesma situação, o mesmo amor que embriaga, a mesma vontade de estar junto de quem amo, e pessoas, preconceitos, situações, sociedade e etc e tal a impedir tal fato.
O que dizer? Palavras são desnecessarias nessa hora, mesmo porque por mais que as procurassemos, nunca conseguiriamos expressar o que realmente sentimos.
Que o tempo cure nossas feridas, pois sei que vc não é única, que nossos corações mesmo com suas cicatrizes ainda volte a bater com a mesma intensidade, e que um dia... possamos emfim dizer que somos felizes.

Beijos

Mayara

Marcela disse...

...bom nessas horas não há mesmo o que dizer..realmente a dor parece mesmo infindável...porém...mesmo que sua realidade parece muito cruel tente buscar neste amor tão grande que existe em vc uma esperança que te leve para o caminho da felicidade...e se essa felicidade for com quem cita no post...ótimo...mas se não for...supere! não vou te dizer que será uma tarefa fácil...e que talvez não seja isso o que queira ouvir...mas mesmo sem te conhecer realmente te desejo forças e estarei torcendo para que um dia vc conte tudo isso como uma experiência de vida... abçs
www.amorentreelas.blogspot.com

Anne disse...

Que chato!
Jah passei por tudo isso e sei exatamente o que sentes agora guria...de verdade...machuca...maltrata...mas passa.
Sabe onde esta o erro? VOCÊ!!!
Como podes desejar que alguem queira estar ao teu lado se te sentes uma MERDA??? Como assim, cade teu amor proprio? cadê sua felicidade individual? cadê teus rumos? Pensa, qtos anos de tua vida viveste sem essa pessoa que hoje te maltrata? Acredito que muitos....de verdade....enquanto pensares assim, continuarás sozinha....a liberdade de repenre grita dentro do teu ser...AGARRE-A.......ninguem merece a dor de um (des)amor.....Amar é ser livre...trazer liberdade....felicidade..tempos bons e ruins (para serem vividos em conjunto)...não acredite que esse papinho de continuar a ser amigas funciona..NÃO!....Não funciona...o melhor a fazer é afastar-se...buscar forças nas pessoas que te amam...escreva...leia...chore...coloque pra fora tudo aquilo que te machuca.....FELICIDADE SÓ DEPENDE DE VC.
Espero sinceramente que vc pense com carinho em tudo isso q te escrevi...e q passe depois la no meu blog para dizer: Estou feliz! isso pra mim basta.....tem muita gente boa no mundo....nem te conheço....mas tudo o q mais qro é que te sintas realmente FELIZ.
Um abraço amigo....
www.pecadoenaoamar.blogspot.com

belinhaa disse...

Nadaa pior do quee essa dorr...isso acaba com qualquer pessoa...Ja penseii ter passado por issu,+ era só paixão e passou!!!te desejo toda felicidade do mundo e se der visiti meu blogg...fonsecaeleoterio.zip.net...

um grande abraço e se cuida
beijos

Soraia Alice disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
Soraia Alice disse...

Eu nao acredito no amor, e a forma k arranjo de compesar nao acreditar no amor e nao gostar de dar amor é fazendo sexo.
Aconselhote a dares uma boa keka (sexo) com uma gaja (se fores á net irás enkontrar k sexo faz muito bem á saúde). E começate a atirar a gajas descaradamente á frente dela tenta provocala, meter-lhe ciúmes. bjx /!\ Nao te eskeças sexo é saudavel /!\
Depois diz-me algum a coisa do que achaste do comentario, agradeciate.

Quero Esquecer disse...

Esquece como eu